20 maio 2007

The Lover tells of the Rose in his Heart

A coincidência de Yeats, pois claro. :-) Porque nada faz mais sentido do que o Amor Real.

Parabéns, F. e I.!


Da união de duas almas nasce a felicidade, da junção de duas vidas surge o futuro.

3 Somethin' Else:

Blogger Nuno Guronsan escreveu...

E que pena a lei relativa ao divórcio, proposta pelo BE, não ter passado....

Desculpa, não resisti :)))

Felicidades aos noivos e beijos para ti.

maio 21, 2007 10:07 da tarde  
Blogger Stephen King escreveu...

É no teste de stress ao material que verificamos da sua consistência, e raramente quando o mesmo sai da linha de montagem.
Ou talvez para alguns it might just be that simple... :)

Beijos

maio 23, 2007 9:05 da manhã  
Anonymous fl escreveu...

obrigado!!! é de facto incrível a coincidência das tuas palavras e daquelas que escolhi para a tua mesa. mas pensando bem.. poderia algum dia ser de outra forma? um grande beijo e mais uma vez obrigado por estares ao meu lado

junho 05, 2007 9:46 da manhã  

Enviar um comentário

On the Corner

Criar uma hiperligação

<< Home